Estação é o novo cliente da IMAM

O Shopping Estação, administrado pela BRMALLS, é o novo cliente da IMAM. A partir de março, a agência será responsável por toda a comunicação integrada do shopping. Com um posicionamento mais lúdico e divertido, o Estação reúne compras, lazer e cultura em um mesmo lugar. “A entrada do Estação, consolida a operação de varejo da IMAM com foco em resultados”, declara Helisson Schiavinato, diretor executivo da agência.

Cerca de 45 mil pessoas passam pelo Estação todos os dias, o grande desafio é fazer com que esses clientes usufruam de todos os serviços que o shopping oferece, não apenas com promoções e alimentação, mas com diversão para toda a família.

Sobre o Estação

O Shopping Estação foi inaugurado em 1997, em um prédio anexo ao Museu Ferroviário, que reúne a memória sobre a antiga estação ferroviária de Curitiba, atraindo o público com uma extensa lista de atrações para o curitibano. Localizado em região central e cercado por grandes avenidas, o empreendimento tornou-se referência na cidade.
Passou pela sua primeira expansão e revitalização em 2002, agregando operações de peso como Renner, Riachuelo, Americanas e Marisa. Em 2007, foi adquirido pelo grupo BRMALLS, maior empresa de shopping centers do país, passando por um processo constante de qualificação. Atualmente, opera como centro de compras sem perder sua herança de lazer, apresentando diversas opções para o entretenimento em família e amigos.

05 de março de 2015 / By Bruna Seifert

Galinhas unidas, jamais serão vencidas

Com as baixas temperaturas, entre os meses de maio e agosto, no sul do Brasil, gripes e resfriados se tornam comuns, principalmente entre idosos e crianças. Em Campo Largo não é diferente. Para o inverno de 2014, a Prefeitura Municipal de Campo Largo decidiu que era hora de colocar a doença em evidência e, por meio de uma campanha, levar algumas dicas simples para a prevenção da gripe à toda população.

imagens-blog

Apesar do resfriado ser um mal extremamente conhecido, o grande público não acredita que seja uma doença séria. Pois os sintomas mais associados à gripe são leves, tais como dor de cabeça, febre ou dor de garganta, não tendo a mesma importância que qualquer outra doença que possa ser fatal. Inclusive, uma das receitas mais comuns de se ouvir no Brasil para se curar uma gripe é “cama e canja de galinha”, evidenciando que o tema não traz senso de urgência. Além disso, como trata-se de uma campanha de prevenção, também não é o caso de criar um anúncio emergencial, gerando  alarde sem motivo.

Para livrar as galinhas desse sacrifício e a gripe ser curada da maneira correta, a IMAM desenvolveu a campanha “Não dê canja para gripe”, com cartazes e anúncios com dicas para combater a doença. Também foi criado um jingle, divulgado nas rádios da cidade.


23 de fevereiro de 2015 / By Bruna Seifert

O sabor de Curitiba

A Requinte surgiu em 1984, no bairro Champagnat, em Curitiba, com a proposta de oferecer mais do que serviços de panificação e confeitaria, mas de trazer à cidade um novo modelo de estabelecimento, que une o charme e a sofisticação das padarias europeias a receitas caseiras, passadas de geração em geração, sempre utilizando matéria-prima selecionada e oferecendo produtos frescos, com sabor de recém-saídos do forno.

Com 30 anos de existência, surgiu a necessidade de modernizar e expandir ainda mais a marca, melhorando a sua comunicação interna (lojas), externa (comunicação para os clientes e prospects); o atendimento ao cliente e afinar o seu discurso comunicacional.

Analisando o posicionamento da marca, suas forças, a percepção dos consumidores e as tendências de mercado, o conceito proposto valoriza os momentos especiais que os clientes vivenciam na Requinte, exaltando o acolhimento, o carinho, a tradição e a história da marca. Assim os valores percebidos pelos consumidores foram reforçados e repassados àqueles que ainda não frequentam a confeitaria, explorando os sentimentos de pertencimento e família; como se a Requinte fizesse parte da vida de seus consumidores e familiares. Com o branding em mãos, no design, a IMAM buscou transmitir o reposicionamento da marca no mercado.

A grafia, feita a mão pela agência, expressa a tradição, de receitas passadas de geração em geração, e faz uma referência a primeira logo da Requinte. Ela traduz o que se faz todos os dias, produtos artesanais preparados com carinho. As cores bordo, cobre e bege, demonstram a sofisticação dos produtos Requinte, feitos com matéria-prima selecionada e um forte padrão de qualidade.

Os três trigos representam os princípios e valores da marca. Para divulgar o novo ID, já presente nas fachadas das duas unidades, no Champagnat e no Cabral, e nos materiais da padaria, como os sacos de pão, a IMAM criou a campanha “Sabor que passa de geração em geração”, com MUBs e outdoors espalhados por Curitiba.

A Requinte também ganhou um novo site, inspirado nas melhores panificadoras e confeitarias europeias. Mais moderno, foi desenvolvido em HTML5, com transições em CSS3. Focado em performance, é responsivo, suportando todos os tipos de dispositivos. O site também foi desenvolvido em WordPress, uma plataforma segura e usada em mais de 50 milhões de sites no mundo.

imagens-blog

Com o mote “Cada momento pode ser um gesto de carinho”, a campanha criada pela Agência IMAM para os 30 anos da Requinte, buscou materializar aquilo que a empresa acredita: seus produtos, feitos com carinho, criam momentos inesquecíveis e cheios de ternura para os seus consumidores.

As peças impressas trazem como elementos principais, delicados personagens talhados em madeira, em referência ao saber-fazer artesanal e perfeccionista dos relógios cucos, que se encontram em torno dos produtos da marca. No rádio, histórias de vida foram narradas por pessoas que escolheram a Requinte para fazer parte dos seus momentos mais importantes.

23 de fevereiro de 2015 / By Bruna Seifert

Uma cidade sustentável

Localizada no norte pioneiro do Paraná, Cornélio Procópio tem aproximadamente 47 mil habitantes. Com a inauguração do novo aterro sanitário da cidade, a Prefeitura percebeu a falta de separação do lixo nas residências de seus moradores, o que dificultava a reciclagem. O problema base a ser solucionado era a diminuição de 5% (cinco) da produção de lixo diário e a potencialização em 30% (trinta) da quantidade de lixo reciclado.

imagens-blog-pcp

Para facilitar esse trabalho, a Agência IMAM usou tampinhas de garrafa, embalagens longa-vida, papel e plástico reciclado para desenvolver uma campanha educacional. Com o mote “Faz bem para a cidade, faz bem para o meio ambiente, faz bem para você”, as peças de mídia tradicional – anúncios impressos, filme para a televisão e outdoor – explicavam como os cidadãos deveriam contribuir com o meio ambiente reduzindo, reutilizando e reciclando resíduos. Todas as imagens da campanha foram elaboradas a partir de materiais recicláveis. A campanha também contou com o hotsite: www.separeolixo.com.br, com informações sobre o Programa e o jogo online Monster Pack e a Coleta Seletiva, solução desenvolvida pela IMAM para incentivar a população jovem a participar da ação.

 

Com a veiculação da campanha, as metas foram superadas, com uma redução de 8% (oito) da quantidade de lixo produzido diariamente pela polução e o aumentando em 100% (cem) da quantidade de lixo reciclado.

23 de fevereiro de 2015 / By Bruna Seifert

Jovens Profissionais

Um projeto educacional muito especial: apresentar a futura profissão a um jovem iniciante no mercado de trabalho. Essa foi a responsabilidade assumida pela IMAM ao ganhar a concorrência pública de 2011 do SESI/SENAI Paraná, um centro educacional que atua em 28 áreas industriais com cursos técnicos de nível médio, graduação e pós-graduação.

Para despertar o interesse profissional nos jovens, foi criada uma cartilha elucidativa sobre as profissões oferecidas pela instituição. A primeira definição foi o conceito das cartilhas. Com uma linguagem acessível, técnica e lúdica, os cursos foram representados por simpáticos personagens: Lila Chanel (Confecção); Prof.ª Higina (Higiene de Alimentos); Ed. Viga (Construção Civil); Profº Faísca (Automotiva) e Sr. Liga (Metalmecânica). Cada profissão foi apresentada por seu personagem, com situações engraçadas na busca pelo conhecimento – situações essas que os futuros alunos podem ter vivenciado ou poderão vivenciar na carreira. Com uma média de 100 páginas cada, no formato A5, traziam em seu interior uma ficha de avaliação. O interessado recebia gratuitamente a cartilha, lia, montava o seu toy-art, respondia a ficha de avaliação anexa e enviava para a unidade do SENAI mais próxima de sua casa, demonstrando seu desejo em cursar aquele técnico profissionalizante básico. À distância ou presencial, após a conclusão do curso, recebia a certificação. Isso aproximou o público-alvo de uma carreira e do SENAI, pois a preocupação em conversar com essas pessoas e orientá-las é que norteou o processo de criação e desenvolvimento de todo esse material. “Os Especialistas” é o primeiro passo de um projeto que deve se estender a todas as profissões que o SENAI oferece à população.

imagens-blog_esp

A IMAM ficou responsável pela edição e produção do conteúdo, redação e revisão, criação e arte final do projeto editorial e gráfico das cartilhas da coleção. A série se tornou uma facilitadora do aprendizado, além de se firmar como um atrativo interessante aos olhos dos jovens ao dialogar ludicamente, em um contexto de caráter educacional e bem humorado. Os cinco primeiros títulos são a ferramenta-base para que aumentassem o número de matrículas entre 2011 e 2012 (a meta é ultrapassar os 88 mil alunos de 2010). A primeira remessa impressa foi de cem mil unidades (dos cinco volumes) para distribuir em 33 cidades do Paraná, auxiliando os jovens na busca pela iniciação profissional básica e, apresentando o SENAI como a porta de entrada para o mercado de trabalho.

23 de fevereiro de 2015 / By Bruna Seifert

A cidade feita por cidadãos

A 30km da capital do Paraná, Campo Largo nasceu como um local de pousos a tropeiros gaúchos em viagem a São Paulo. A cidade acolhedora, hoje, tem mais de 100 mil habitantes, pessoas de várias localidades brasileiras que se unem aos moradores tradicionais, em grande parte, descendentes de poloneses e italianos.

Como qualquer cidade em constante crescimento, a comunicação entre a Prefeitura de Campo Largo e a população não estava sendo eficiente. Os moradores da cidade, não estavam tendo conhecimento do que a Prefeitura estava realizando. Para dar voz a população, a Agência IMAM desenvolveu a campanha “Operação a Rua é Sua”. Com o mote “Suas ideias em execução”, a campanha integrada, com anúncios impressos, mídia externa, spot e site interativo, está sendo utilizada para a divulgação do projeto na cidade. Por meio do site interativo, o cidadão pode acompanhar, no mapa da cidade, todas as obras que estão acontecendo em Campo Largo, além de sugerir novos trechos que precisam de atenção.

A população de Campo Largo participou efetivamente da campanha A Rua é Sua. Foram sugeridas 308 obras. A Prefeitura concluiu 69, programou 05 e até o final da campanha, em abril de 2014, estava executando mais cinco. Mais de 5 mil pessoas acompanharam no site as obras.

23 de fevereiro de 2015 / By Bruna Seifert

Volta às aulas com a Requinte

A maioria das crianças não gosta de verduras e os pais passam um dobrado para convencê-las a comer. Pensando nisso, a Padaria Requinte montou um cardápio especial para a volta às aulas, com mini pães de cenoura, beterraba e espinafre. Com o briefing em mãos, a IMAM criou a campanha Cardápio Requinte.

“Quem disse que é difícil seu filho comer legumes?” é o mote da campanha, que tem como elemento principal o pão, que de tão natural, substitui o próprio legume. O cliente também tem a sugestão de montar na loja uma lancheira mais saudável, com frutas e suco.

imagens-blog_requinte2

O Cardápio Recreio já está disponível nas lojas do Champagnat e do Cabral, e é possível ver a campanha por toda Curitiba.

22 de fevereiro de 2015 / By IMAM

IMAM no mundo das blogueiras

A maquiadora e blogueira, Alice Salazar, é a nova cliente da Agência IMAM. Há quatro anos, gravando vídeos para o Youtube, é a quarta maior blogueira de beleza do Brasil.

A IMAM irá coordenar e administrar os conteúdos das redes sociais da Alice.

Sobre ‪#‎AliceSalazar‬
Maquiadora profissional premiada nacionalmente e começou a gostar desse mundo ainda criança, ao ver a mãe – também maquiadora e designer de sobrancelhas – trabalhar com uma infinidade de sombras, cores, batons e pincéis. Trocou a faculdade de Design de Produto pelo Curso de Estética e Cosmética e passou a dedicar-se à maquiagem, tendo sua formação inicial no SENAC-RS e no Instituto Embelleze. Continuou aprimorando sua técnica com cursos no exterior (Make Up Forever Academy, Atelier Make-up Paris, Kryolan Argentina) e com profissionais renomados (Samer Khouzami). Trabalhou como maquiadora do Grupo RBS, afiliada da TV Globo no Rio Grande do Sul. Em 2010, a convite da própria rede, criou o blog “Espelho Meu”, onde apresentava tutoriais de automaquiagem e dicas de beleza. As lindíssimas makes, juntamente com o seu jeito carismático e verdadeiro de fazer seus vídeos, fizeram com que seus canais de comunicação ficassem entre os mais procurados do país, somando atualmente mais de 73 milhões de visualizações. Alice é autora do livro “De Bem com o Espelho” e possui uma linha de cosméticos própria, com produtos testados e escolhidos por ela. Além disso, dedica-se aos workshops e palestras que ministra pelo Brasil e exterior.

17 de fevereiro de 2015 / By IMAM

ISAE / FGV renova com a IMAM

Pelo quarto ano consecutivo, o Instituto Superior de Administração e Economia (ISAE), conveniado da FGV no Paraná, renovou o contrato com a IMAM® Publicidade.
A parceria já trouxe ótimos resultados para o cliente e a IMAM. Como o prêmio na categoria Educação e Ensino, da ADVB/PR – Associação dos Dirigentes de Vendas e Marketing do Brasil (seção Paraná), no Top de Marketing 2012, com o case “Mais que uma carreira: um legado”.
17 de fevereiro de 2015 / By IMAM

Ilegal, imoral mas real.

“Legalize já, Legalize já, uma…”
Bem,  certamente você conhece esse refrão da música do Marcelo D2, que pede a legalidade do que é ilegal.

Hoje, queria falar um pouco sobre legalidade ou melhor sobre a formalização da relação de trabalho entre criativos e agências. Esse tema é pouco explorado e no geral, cria uma polêmica.

Vamos ao primeiro ponto: o setor publicitário é um ou talvez o mais informal de todos,  soa meio estranho, mas temos em proporção, mais bóia frias, cortadores de cana com carteira de trabalho assinada do que publicitários.

Torceu o nariz? Bom, se você  não é o diretor de criação daquela grande agência, que já é sócio nos negócios, bem-vindo ao mundo dos mortais.

Na maior parte do mercado, temos relação ilegais ou informais, como a contratação por meio de pessoa jurídica, o vulgo PJ, o “meia carteira de trabalho”, onde só metade do salário é registrado e sem contrato nenhum. Todos eles são fraudes ou ilegais, mas quem disse isso não fui eu!

A afirmação é da autoridade máxima da Justiça do Trabalho, o presidente do Tribunal Superior do Trabalho (TST), ministro Vantuil Abdala, que faz um alerta para as empresas que pensam em usar indiscriminadamente essa forma de contratação. “Se o contratado cumpre horário e ordens, e recebe salário, vai ser reconhecido como empregado pela Justiça do Trabalho e o empregador terá que pagar, não só os direitos trabalhistas, como todos os encargos com o fisco e Previdência”, declarou ao Jornal Valor Econômico.

No resumo, tanto o criativo, quanto a agência que faz isso, estão na ilegalidade.  Como a corda arrebenta sempre para o lado do mais fraco, o grande perdedor é o criativo que abre mão de todos os benefícios previstos em lei e na previdência.  Além da conta da empresa e toda a burocracia para fechar a “firma”.

“O empregador que exigir do profissional que este seja uma ‘pessoa jurídica’ e tê-lo na empresa como se fosse um empregado, age contra a lei e o trabalhador tem direito ao recebimento de todos os direitos trabalhistas, com a nulidade da contratação por meio de PJ. Isto porque, o artigo 9º da CLT determina que serão nulos os atos praticados com o objetivo de fraudar, desvirtuar ou impedir a aplicação dos direitos nela presentes”, conta uma advogada trabalhista.

Outra questão importante, é a lendária hora extra. Muita gente sabe que existe, mas poucos recebem. Assim, quando devem ser pagas?

De acordo com a advogada, as horas extras são devidas toda vez que o empregado trabalha além da sua jornada normal de trabalho, sem qualquer tipo de compensação. Também são devidas quando trabalha no horário destinado ao intervalo, ou ainda, quando não é concedido horário de intervalo para descanso durante o dia ou entre um dia de trabalho e outro. Por exemplo: se o empregado tem duas horas de almoço, usa apenas uma e trabalha na outra, a hora que deveria estar almoçando, é computada como extra. Já o intervalo entre um dia e outro de trabalho é de 11 horas. Por exemplo, se entre um dia e outro o intervalo for de oito horas, computam-se três horas extras.

Ficou na dúvida?

Para entender melhor a contratação por PJ, dê uma olhada no Blog do Ministério do Trabalho.

Saiba se é correta ou não a contratação de trabalhadores como Pessoa Jurídica – http://blog.mte.gov.br/trabalho/detalhe-359.htm#.UyekcoW8MmA

Conheça seus direitos em relação às horas extras – http://goo.gl/oOQct9

Helisson Schiavinato.

17 de fevereiro de 2015 / By IMAM

IMAM Publicidade e Propaganda | Av. República Argentina, 210 | CEP 80240-210 | Fone: + 55 41 3013.2261 | Curitiba - PR - Brasil